segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Rede Estadual de Ensino abre inscrições para interessados em Cursos Técnicos

Inscrições para cursos da Educação Profissional

Curso técnico

 Estão abertas as inscrições para estudantes que desejam participar dos cursos técnicos gratuitos que serão ofertados a partir do segundo semestre de 2018.


Serão ofertadas mais de 10 mil vagas, em 127 escolas da Rede Estadual de Educação Profissional. Essas vagas serão oferecidas em 111 municípios de 43 das 47 Superintendências Regionais de Ensino existentes no Estado.
Os alunos interessados podem procurar diretamente as escolas ofertantes para se inscrever. As aulas estão previstas para começar em 3 de setembro de 2018.


Confira a relação de escolas que ofertam os cursos técnicos gratuitos.

segunda-feira, 14 de maio de 2018

Cadastramento Escolar 2019

Cadastramento Escolar 2019 será realizado entre os dias 11 e 22 de junho


Pais ou responsáveis que desejam uma vaga para seu filho na rede pública de ensino em 2019 devem ficar atentos ao prazo de realização do Cadastramento Escolar. De acordo com a Resolução Nº 3.765, publicada no Diário Oficial Minas Gerais desta quinta-feira (10/05), o Cadastramento Escolar será realizado entre os dias 11 e 22 de junho e deverá ser feito pela internet.

O Cadastro estará aberto a todos os candidatos que desejam ingressar no ensino fundamental da rede pública de ensino de Minas Gerais, seja municipal ou estadual, em 2019. Ele é unificado para as redes municipais e estadual de Minas Gerais e é fundamental para o aluno garantir uma vaga em uma escola próxima de sua residência.

A inscrição do candidato deverá ser realizada pelo pai, mãe ou responsável que seja maior de 18 anos. Os jovens maiores de 18 poderão fazer a sua própria inscrição. O cadastramento para os candidatos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação, também será realizado através de formulário eletrônico disponibilizado na Internet, no portal da Secretaria de Estado de Educação. A inscrição é isenta de pagamento de taxas por parte do candidato. 
Confira a Resolução Cadastro Escolar 2018/2019 na íntegra. 
 
Cadastramento Escolar 2019

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Começaram essa semana as inscrições para concurso público da Secretaria de Estado da Educação

Desde segunda-feira (26/02), o candidato interessado em participar do concurso público da Secretaria de Estado de Educação já pode fazer sua inscrição. A inscrição deve ser feita no site da Fundação Mariana Rezende Costa (Fumarc), instituição responsável pela realização do certame, até as 23h59 do dia 8 de março. A taxa de inscrição é R$ 70,00.

Concurso público da Secretaria de Educação
imagem SEE
De acordo com o Edital SEE Nº. 07/2017, a partir de 16 de março, o candidato deverá conferir, no site da Fumarc, através da Lista das Inscrições Deferidas, se os dados da inscrição foram recebidos e o pagamento processado.

O certame, autorizado em novembro pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais (Seplag), contará com 16 mil vagas para o cargo de Professor de Educação Básica (PEB) de diversas disciplinas e com 700 vagas para Especialista em Educação Básica (EEB). As oportunidades contemplam todas as 47 Superintendências Regionais de Ensino.

Etapas do concurso

O concurso é dividido em duas etapas. A primeira consiste na aplicação das provas objetivas e a segunda na avaliação de títulos.

As provas objetivas vão contar com 60 questões de Língua Portuguesa, Matemática, Conhecimentos didático-pedagógicos e conhecimentos específicos, e está prevista para o dia 8 de abril de 2018. Os candidatos terão como locais de provas todas as cidades-sede das Superintendências Regionais de Educação.


quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Listagem dos alunos que deverão fazer a matrícula para 2018 - Zoneados por escola

Em Carmo do Cajuru, a semana do dia 11 a 15 de dezembro será destinada à matrícula de alunos que irão ingressar em escolas da rede pública (estadual e municipal) em 2018. Os inscritos no último Cadastro Escolar, realizado em junho, deverão comparecer às escolas para as quais foram encaminhados.
A semana do dia 11 a 15 de dezembro será destinada à matrícula de alunos em Carmo do Cajuru


Segue a lista de alunos cadastrados para o 1º Ano do Ensino Fundamental em Carmo do Cajuru:

Zoneamento escolar 2018 - Alunos para a EM Francisco Malaquias Cláudio

Zoneamento escolar 2018 - Alunos para a EM Nossa Senhora do Carmo

Zoneamento escolar 2018 - Alunos para a EM Princesa Isabel


sábado, 28 de outubro de 2017

Inscrições para designação 2018 na rede estadual de ensino



Interessados em concorrer as vagas nas designações 2018 na rede estadual, dever se inscrever até o dia 10 de novembro.

Interessados em concorrer as vagas nas designações 2018 na rede estadual, dever se inscrever até o dia 10 de novembro.

Já estão abertas as inscrições para os interessados em se candidatar a uma vaga de designação na rede estadual de ensino para 2018. Serão ofertadas cerca de 100 mil vagas, em contratos temporários válidos até 31 de dezembro do ano que vem, para os cargos de professores, especialista, auxiliar administrativo e auxiliar de serviços gerais, para atuar tanto em escolas quanto em órgãos administrativos. As inscrições seguem até o dia 10 de novembro e devem ser feitas pelo site www.designaeducacao.mg.gov.br.
A designação é uma forma de preencher interinamente os cargos para garantir o funcionamento das escolas estaduais, conforme o artigo 10 da Lei 10254/1990. O processo é essencial na preparação da rede pública para o início do ano letivo. A Secretaria de Estado de Educação criou um hotsite que reúne as principais informações sobre o processo de designação 2018. Acesse e saiba mais no endereço designacaooficial2018.educacao.mg.gov.br.
Nesta primeira etapa da Designaçao, os interessados fazem um cadastro e até três inscrições por cargos e localidades. Neste ano, há uma novidade: os candidatos aprovados em concurso público vigente e que ainda não foram nomeados estarão inscritos de ofício, ou seja, estarão automaticamente inscritos para o cargo e localidade para o qual realizaram o concurso público. O sistema de inscrição vai buscar e inserir os nomes e as respectivas classificações dos candidatos. No entanto, para realizar outras duas inscrições ou mesmo modificar a inscrição inicial, eles devem entrar na plataforma e realizar suas escolhas.
Este ano não serão admitidos na designação os candidatos não inscritos, salvo exceções. Vale destacar ainda que, para as inscrições de 2017, o tempo de serviço exercido pelo candidato na Rede Estadual de Ensino será automaticamente extraído dos bancos de dados da SEE e deve ser validado, no ato da inscrição, pelo candidato. A Resolução que trata desta primeira etapa da designação foi publicada no Diário Oficial Minas Gerais no último sábado, 21 de outubro (Resolução SEE 3.643, de 20 de outubro de 2017).
Na última segunda-feira, o processo foi apresentado, em entrevista coletiva, pela secretária de Estado de Educação, Macaé Evaristo, e pelo subscretário de Gestão de Recursos Humanos da SEE, Antônio David de Souza. “É muito importante que todas essas pessoas (aprovadas em concurso) possam entrar no sistema e fazer sua segunda escolha de vaga, que pode ser para outra localidade para qual ela fez o concurso. São quatro critérios para acesso a essas vagas, é importante a gente destacar. O primeiro critério é a pessoa aprovada em concurso público na localidade. O segundo, a pessoa aprovada em concurso, de outra localidade; e depois aquelas pessoas que têm a formação exigida e mais tempo de serviço”, ressaltou Macaé.
Macaé destacou ainda o número recorde de nomeações feitas pelo atual Governo. “Todo nosso esforço é para ampliarmos o número de servidores efeitvos no Estado. Por isso, já fizemos mais de 50 mil nomeações porque queremos inverter uma regra, anteriormente a gente tinha 1/3 de profissionais efetivos e 2/3 de profissionais com vínculos temporários, precários. Então esse esforço de nomeação é para que a gente possa alcançar pelo menos 50%, 60% de profissionais com vínculos efetivos”, declarou a secretária.

Designação On-line e Presencial


O processo de designação propriamente dito (escolhas das vagas pelos inscritos e atribuição da vaga ao candidato melhor classificado) terá início em data a ser definida no cronograma que será divulgado na Resolução de Quadro de Escola. Segundo o subsecretário de Gestão de Recursos Humanos, Antônio David de Souza, essa resolução deverá ser publicada em meados de novembro.
Neste ano, parte da designação será feita por meio de sistema informatizado on-line, abrangendo os cargos de Analista de Educação Básica (AEB) – Assistente Social, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Psicólogo ou Terapeuta Ocupacional; Analista Educacional/Inspetor Escolar (ANE/IE); Assistente Técnico de Educação Básica (ATB); Especialista em Educação Básica (EEB) – Orientador Educacional ou Supervisor Pedagógico; e Professor de Educação Básica (PEB) – Regente de Turma. Essa ferramenta tem o objetivo de gerar igualdade de oportunidades entre os interessados, maior agilidade, efetividade e transparência no processo.
A designação será presencial para Auxiliar de Serviços de Educação Básica (ASB); Professor de Educação Básica (PEB) – Regente de Aula; Professor de Educação Básica (PEB) Curso Normal, Educação Profissional, Conservatórios Estaduais de Música, Educação Especial e Educação Integral.

sábado, 2 de setembro de 2017

Ranking mostra que brasileiro é o povo mais cheiroso do mundo


Já parou para pensar que, nós brasileiros, temos o costume de tomar muitos banhos por dia? E que além de sabonetes, a gente também usa, gel de banho, esfoliante, óleo corporal…a lista de produtos que usamos no banho é imensa e tudo isso é pelo simples fato de que queremos ficar limpos e cheirosos.
Segundo um estudo realizado pelo instituto de pesquisa Euromonitor, o brasileiro é um dos que mais tomam banho em todo o mundo. Esses dados foram obtidos através de questionários online com mais de 6 mil pessoas de 16 países que buscavam saber, além de hábitos de higiene, a frequência de compras e uso de produtos de beleza e outros cosméticos.
Essa pesquisa mostrou também que o brasileiro toma, em média, 12 banhos por semana, ou seja, quase 2 banhos por dia.

Já os países que menos frequentam o chuveiro estão China e Inglaterra. 80% das mulheres inglesas não tomam banho todos os dias e que 30% delas chegam a passar até três dias sem se banhar.
Na média global, a maioria das pessoas toma um banho por dia.
Fonte: We Fashion Trends

sexta-feira, 14 de julho de 2017

MEC divulga datas de exame que substitui Enem para certificar ensino médio

Encceja: prova que substitui o Enem para diploma do ensino médio e fundamental será em outubro

A participação no ENCCEJA é voluntária e gratuita, destinada aos jovens e adultos residentes no Brasil e no Exterior, inclusive às pessoas privadas de liberdade, que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos na idade apropriada.

O que é o Encceja

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é um exame gratuito e de participação voluntária ofertado aos jovens e adultos residentes no Brasil e no Exterior que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos em idade própria.

Constitui-se em um exame para aferir as competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos. Esses últimos incluem o desenvolvimento na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.

A partir deste ano, com a publicação da Portaria nº 468 de 3 de abril de 2017, os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio não poderão ser utilizados para fins e certificação do Ensino Médio. Dessa forma, o Encceja passa a ser ofertado para participantes que desejam certificar-se no Ensino Médio e no Ensino Fundamental tanto no Brasil quanto no Exterior. O participante deverá optar pelo nível de Ensino que deseja obter o certificado no momento da inscrição.

Certificação e Declaração de Proficiência do Encceja

A participação no Encceja é voluntária e gratuita, destinada aos jovens e adultos residentes no Brasil e no exterior que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos em idade própria.

No Brasil e no exterior, o exame pode ser realizado para solicitar a certificação no nível de conclusão do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. A prova é destinada ao público com no mínimo 15 (quinze) anos completos na data da prova para o Ensino Fundamental. Já para o Ensino Médio, os interessados podem solicitar a certificação desde que tenham no mínimo 18 (dezoito) anos completos na data da prova.

O Exame constitui-se de provas estruturadas da seguinte forma:

a) Para o Ensino Fundamental:
Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e uma proposta de Redação;
Matemática;
Historia e Geografia;
Ciências Naturais.

b) Para o Ensino Médio (apenas para os brasileiros residentes no exterior
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e uma proposta de Redação;
Matemática e suas Tecnologias;
Ciências Humanas e suas Tecnologias;
Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

As áreas do conhecimento foram estabelecidas a partir do currículo da Base Nacional Comum, de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN's).

A emissão dos Documentos Certificadores (Certificado e Declaração de Proficiência) é responsabilidade das Secretarias Estaduais de Educação que firmaram com o Inep o Termo de Adesão ao Encceja Nacional, disponível no Anexo do Edital do Exame.

O participante poderá solicitar o aproveitamento dos resultados de uma ou mais áreas de conhecimento avaliadas em quaisquer edições anteriores do Encceja, do Encceja Exterior e do Enem, desde que estejam dentro dos critérios estabelecidos nos Editais.

Cronograma Encceja

Conheça as datas de publicação dos editais, inscrições e aplicação das provas do Encceja 2017

Encceja Nacional
Publicação do edital: 24 de julho
Inscrições: 7 a 18 de agosto
Aplicação: 8 de outubro

Encceja Nacional PPL
Publicação do edital: 7 de agosto
Adesão das unidades: 14 a 25 de agosto
Inscrições: 21 de agosto a 1º de setembro
Aplicação: 24 e 25 de outubro

Locais de Prova Encceja

Conheça as cidades onde haverá aplicação de provas do Encceja 2017
MINAS GERAIS
Alfenas, Almenara, Araçuaí, Araxá, Barbacena, Belo Horizonte, Betim, Bocaiuva, Bom Despacho, Campo Belo, Capelinha, Carangola, Caratinga, Caxambu, Conselheiro Lafaiete, Contagem, Coronel Fabriciano, Curvelo, Diamantina, Divinópolis, Esmeraldas, Espinosa, Governador Valadares, Guanhães, Ibirité, Ipatinga, Itabira, Itajubá, Itamarandiba, Itaúna, Ituiutaba, Janaúba, Januária, Juiz de Fora, Lagoa Santa, Lavras, Leopoldina, Manga, Manhuaçu, Mantena, Monte Carmelo, Montes Claros, Muriaé, Nanuque, Nova Era, Nova Lima, Ouro Preto, Pará de Minas, Paracatu, Passos, Patos de Minas, Patrocínio, Pedra Azul, Pirapora, Poços de Caldas, Ponte Nova, Pouso Alegre, Ribeirão das Neves, Sabará, Salinas, Santa Luzia, Santos Dumont, São João del Rei, São Sebastiao do Paraíso, Sete Lagoas, Teófilo Otoni, Três Marias, Ubá, Uberaba, Uberlândia, Unaí, Varginha, Vespasiano, Viçosa
Para saber locais de prova em outros estados acesse: http://portal.inep.gov.br/web/guest/encceja

 Encceja: prova que substitui o Enem para diploma do ensino médio e fundamental será em outubro
 

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Netflix começa a retirar séries da FOX do catálogo

Netflix começa a retirar séries da FOX do catálogo 
A Netflix, líder mundial em transmissão online de filmes e séries, começa a retirar de seu catálogo a partir deste sábado (01) as séries da FOX.

A lista completa não foi divulgada pela Netflix, mas sabemos que a saída de conteúdos da Fox envolve alguns de seus principais shows, muitos que estavam disponíveis de forma completa no serviço. A lista completa também não foi revelada, mas alguns títulos foram citados nominalmente pela empresa. São eles:
  •     How I Met Your Mother
  •     American Horror Story
  •     Bones
  •     Glee
  •     Prison Break
  •     24 Horas
  •     Sons of Anarchy
  •     Arquivo X
  •     The O.C.: Um Estranho no Paraíso

A Netflix também não informou as datas que as retiradas vão acontecer, afirmando apenas que o processo será gradual. Isso pode variar, como é o caso de Prison Break, que deixa o catálogo já no dia 1º de julho, enquanto Arquivo X, por exemplo, só deixará de ser exibido pelo serviço no final do ano.

O principal motivo deve ser o lançamento da nova dinâmica de canais da marca no Brasil, com dois canais premium e um aplicativo, o Fox App, que permite, inclusive, assistir às séries junto com a exibição na TV e, muitas vezes, ao mesmo tempo que nos Estados Unidos. Disponível a partir das principais operadoras de TV a cabo do Brasil, o sistema chegou em março, não coincidentemente um mês antes de a Netflix anunciar a saída das séries de seu catálogo.


Fonte: Netflix (Twitter)

Matéria completa:
https://canaltech.com.br/noticia/netflix/series-da-fox-comecam-a-deixar-netflix-nesta-semana-96182/

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Prouni: começou as inscrições para edição do 2º semestre

São ofertadas mais de 140 mil bolsas, integrais e parciais, em instituições de ensino superior privadas. 

Prouni: começou as inscrições para edição do 2º semestre

 



Começou nesta terça-feira, 06 de junho, as inscrições para a edição do segundo semestre de 2017 do Programa Universidade para Todos (Prouni). Os estudantes interessados em concorrer às bolsas ofertadas em instituições particulares de ensino superior podem se inscrever até o dia 9 de junho pelo site http://prouniportal.mec.gov.br/. No mesmo endereço, os candidatos também podem consultar as bolsas oferecidas pelo programa.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), serão ofertadas mais de 140 mil bolsas, integrais e parciais, distribuídas em mais de 22 mil cursos, de 901 instituições privadas. Podem concorrer, candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016.

O estudante pode concorrer a uma bolsa integral se sua renda familiar bruta mensal per capita não exceder a 1,5 salário mínimo. No caso da bolsa parcial, a renda familiar por pessoa não pode ser maior que três salários mínimos. O Programa possui ainda ações conjuntas com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que permite ao bolsista parcial financiar a parte da mensalidade não coberta.

Além de alunos da rede pública ou bolsistas integrais de escolas particulares, o Prouni também é direcionado às pessoas com deficiência e professores da educação básica de escolas públicas que compõem o quadro de pessoal permanente da instituição.

Cronograma Prouni

O processo seletivo será constituído de duas chamadas sucessivas. O resultado da primeira chamada será divulgado em 12 de junho e o da segunda em 26 de junho. O candidato selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de educação superior para a comprovação das informações prestadas e a eventual participação em processo seletivo próprio, quando for o caso, no período de 12 a 19 de junho, na primeira chamada; e de 26 a 30 de junho, na segunda chamada.

Para participar da lista de espera, o estudante deverá manifestar seu interesse na página do programa, entre 7 e 10 de julho. A lista estará disponível no sistema, para consulta pelas instituições de educação superior, no dia 13 de julho. Neste caso, o candidato deverá comparecer à instituição e entregar a documentação no período de 17 a 18 de julho.

(Com informações do Ministério da Educação)

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Prefeitura de Divinópolis abre processo seletivo

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ASSISTENTE EDUCACIONAL EM DIVINÓPOLIS

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ASSISTENTE EDUCACIONAL EM DIVINÓPOLIS
Este Processo Seletivo Simplificado destina-se a selecionar candidatos para compor banco de reserva de Assistente Educacional pelo período de maio de 2017 a maio de 2018, prorrogável por mais um ano, se necessário, exclusivamente para exercer as funções próprias de Assistente Educacional

Período: 15/05/2017 a 19/05/2017

O Processo Seletivo Simplificado será realizado na cidade de Divinópolis e consistirá da avaliação de títulos, de caráter classificatório. 
REQUISITOS DE ESCOLARIDADE EXIGIDOS E DOS CRITÉRIOS DE CLASSIFICAÇÃO
 

Cadastramento Escolar 2018 será on-line e realizado de 12 a 23 de junho de 2017

Cadastramento Escolar 2018 será on-line e realizado de 12 a 23 de junho de 2017
Pais ou responsáveis que desejam garantir vaga para seu filho no ensino fundamental da rede pública em 2018 e também jovens que querem retornar aos estudos já podem se programar e ficar atentos às mudanças propostas para o próximo ano. O Cadastramento Escolar para 2018 vai acontecer de 12 a 23 de junho de 2017 e, pela primeira vez, será realizado pela internet em todo o Estado de Minas Gerais. As novidades para a realização do cadastro e da matrícula na rede pública de ensino de Belo Horizonte foram estabelecidas pela Resolução Conjunta SEE/MG – SMED/BH nº 3. Para os demais municípios do Estado, as definições estão dispostas na Resolução SEE nº 3.420. Ambas foram publicadas na edição da última quarta-feira, 10 de maio, do Diário Oficial de Minas Gerais.

“Fizemos esta inovação considerando as evoluções tecnológicas que tornam mais fácil e agilizam o processo de cadastramento. A maioria da população tem computador, dispositivos móveis e acesso à internet e não precisará sair de casa para realizar o cadastro escolar”, explica Vera Vidigal, superintendente de Organização e Atendimento Educacional da Secretaria de Estado de Educação (SEE). O Cadastro Escolar estará aberto a todos os candidatos que desejam ingressar no ensino fundamental da rede pública de ensino de Minas Gerais, seja municipal ou estadual, em 2018. O cadastramento é unificado para as redes municipais e estaduais de Minas Gerais e é fundamental para o aluno garantir uma vaga em uma escola próxima de sua residência.

A inscrição é isenta de pagamento de taxas por parte do candidato e deverá ser feita através de formulário eletrônico disponibilizado na Internet. Em Belo Horizonte, o cadastro deverá ser feito pelo portal da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, www.pbh.gov.br. Nos demais municípios mineiros, o formulário eletrônico será disponibilizado pelo site da Secretaria de Estado de Educação (www.educacao.mg.gov.br). “Sendo totalmente on-line, não haverá prorrogação do prazo. Então, as pessoas devem ficar atentas ao período estabelecido na resolução”, afirma Vera Vidigal.

Em Belo Horizonte, quem não tiver acesso à internet deverá dirigir-se às Regionais Administrativas da Prefeitura no seu bairro ou às escolas municipais que abrem aos finais de semana. Já no interior, deverá procurar a Secretaria Municipal de Educação da localidade em que reside. O endereço das Gerências Regionais de Educação (GERED) e a relação das escolas do PEA que possuem atendimento nos laboratórios de informática encontram-se nos Anexos I e II da Resolução.

Poderão ser inscritos no Cadastro Escolar as crianças que completarem seis anos até o dia 30 de junho de 2018, estudantes vindos de outras localidades ou transferidos de escolas particulares e candidatos ao curso de Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Ensino Fundamental. A inscrição deve ser realizada pelo pai, mãe ou responsável ou jovens maiores de 18 anos.

Os alunos da Educação Infantil matriculados nas Escolas e Unidades Municipais da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte que completarem 6 (seis) anos até 30 de junho de 2018 serão inscritos automaticamente, conforme instrução de serviço a ser publicada pela Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte, não necessitando, portanto, de se inscreverem pela Internet.

Matrícula


O encaminhamento para matrícula obedecerá, prioritariamente, ao zoneamento escolar. Esgotadas as vagas das escolas de cada zoneamento, o candidato será encaminhado para a escola pública de acesso mais fácil. A matrícula será unificada nas redes públicas – estadual e municipal – e ocorrerá entre 11 e 15 de dezembro de 2017. Vale destacar que o aluno cadastrado deverá efetivar a matrícula nesse período, na escola para a qual foi encaminhado, para garantir a sua vaga. “Quem perder o cadastro não terá vaga assegurada na rede pública em uma escola próxima de sua residência. Depois da matrícula de todos os alunos cadastrados, eles poderão ser encaminhados para escolas que apresentarem saldo de vagas remanescentes”, ressalta Vera Vidigal.

Para efetivação da matrícula, deverão ser apresentados, obrigatoriamente, os seguintes documentos:

- 1 cópia e original da conta de luz da residência do candidato, em conformidade com o endereço atestado na inscrição;

- 1 cópia e original da certidão de nascimento ou carteira de identidade,

- comprovante de escolaridade, quando for o caso de transferência de outros municípios, retorno aos estudos ou cursos da EJA.

Em Belo Horizonte, os candidatos receberão em suas residências, via Correios, correspondência informando o local da matrícula. No interior, será afixado, na Secretaria Municipal de Educação de cada cidade e nas escolas, informativo com os endereços.

Cadastro Escolar - Planejamento


O Cadastramento Escolar permite ao Governo do Estado e às prefeituras dimensionarem a demanda escolar, encaminhando com tranquilidade as crianças que vão iniciar os estudos, os alunos que desejam a transferência para a rede pública e os estudantes que queiram retornar à escola, seja qual for o ano do ensino fundamental.

Com a demanda apresentada no Cadastramento, Estado e municípios fazem uma análise do fluxo escolar, da capacidade física das escolas, com vistas à apresentação de proposta de expansão e/ou reorganização, buscando compatibilizar a demanda e oferta de vagas nas redes públicas de ensino.

A expectativa da SEE é de receber 160 mil inscrições no Cadastramento Escolar 2018.

sexta-feira, 5 de maio de 2017

Inscrições abertas para premiação de incentivo à Educação Integral

Objetivo é reconhecer e estimular parcerias entre organizações da sociedade civil e escolas públicas no desenvolvimento de ações voltadas à Educação Integral. Inscrições até dia 17 de maio.

Inscrições abertas para premiação de incentivo à Educação Integral




Estão abertas as inscrições para a 12ª edição do Prêmio Itaú-Unicef. Norteado pelo tema “Educação Integral: Parcerias em Construção”, a premiação objetiva reconhecer e estimular parcerias entre organizações da sociedade civil (OSCs) e escolas públicas no desenvolvimento de ações voltadas à Educação Integral.

As inscrições vão até 17 de maio e podem ser feitas pelo www.premioitauunicef.org.br. Pode concorrer OSC – constituída e sediada no Brasil; não governamental e sem fins lucrativos – que execute ações socioeducativas em escolas públicas que possuam uma Associação de Pais e Mestres.

As propostas devem ser concebidas, planejadas e executadas pelas instituições parceiras e destinadas a crianças e jovens, entre 6 e 18 anos, em condições de vulnerabilidade social. Cada OSC poderá inscrever uma ou mais ações, desde que sejam realizadas com diferentes escolas.

Neste ano, além dos vencedores nacionais e regionais, as 96 parcerias finalistas receberão prêmio em dinheiro. “A ideia é ampliar a distribuição de recursos, alcançando maior número de ações e localidades beneficiadas”, explica a superintendente da Fundação organizadora, Angela Dannemann.

As premiações estão divididas em três categorias – os 96 finalistas; dessa seleção sairão os 32 premiados regionais; e 4 premiados nacionais. Os prêmios para cada categoria são, respectivamente, R$ 10 mil, R$ 20 mil e R$ 100 mil, cumulativos. As parcerias são avaliadas por agentes públicos das áreas de Educação e Assistência Social.

Entre julho e agosto, serão selecionadas as 96 finalistas e, na etapa seguinte, escolhidas quatro parcerias premiadas regionais, totalizando 32. A premiação nacional está prevista para acontecer em dezembro, na cidade de São Paulo, quando serão anunciadas as quatro parcerias vencedoras, que receberão R$ 100 mil cada.

Segundo Gary Stahl, representante do UNICEF no Brasil, a expectativa é de que o prêmio possa chegar às crianças e adolescentes vulneráveis, mais difíceis de alcançar. “Queremos identificar e reconhecer iniciativas que possam contribuir com a redução de desigualdades no País e sejam inspiradoras para o aperfeiçoamento de políticas públicas que ajudem a levar o direito à educação integral a toda parte”, explica.

O Prêmio

Iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e da Fundação Itaú Social, o prêmio, lançado em 1995, já recebeu cerca de 16 mil inscrições, contemplando iniciativas em 1.752 cidades.

Na última edição, a Escola Estadual João Cesar de Oliveira, localizada em Diamantina, Minas Gerais, foi uma das agraciadas na etapa regional, com a ação “Eu, Você e a Escola, Educação que Transforma”. Também foram premiadas cidades de Campos de Goytacazes (RJ), Diadema (SP), Parintins (AM) e Porto Alegre (RS).

A coordenação técnica é responsabilidade do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). “As parcerias são uma estratégia muito importante para que a Educação Integral se concretize. Elas ampliam os espaços para o trabalho com as crianças, oferecem atividades diversificadas e multiplicam as oportunidades educativas. São ainda uma forma de enfrentar as desigualdades sociais, especialmente em territórios de maior vulnerabilidade”, avalia Anna Helena Altenfelder, superintendente do Cenpec.